Republicanos lideram preferência dos americanos em maior virada em décadas: GALLUP

A preferência partidária dos americanos durante 2021 mudou de democrata para republicana na maior virada desde que a Gallup começou a medir regularmente a identificação e a inclinação partidária em 1991.

Um total de 49% dos americanos se consideravam democratas no primeiro trimestre de 2021, caindo para 42% no último trimestre. Os entrevistados da pesquisa que se identificaram como republicanos aumentaram de 40% para 47% durante o mesmo período.

Imagem: Evolução da preferência dos americanos ao longo dos quatro levantamentos feitos pela Gallup ao longo de 2021 pelo Partido Democrata (azul) e Partido Republicano (vermelho).

A Gallup pergunta a todos os americanos entrevistados se eles se identificam politicamente como republicanos, democratas ou independentes. Os independentes são então questionados se eles se inclinam mais para o Partido Republicano ou Democrata. A porcentagem combinada de pessoas que se identificam diretamente com os partidos e independentes que se inclinam a um ou outro partido fornece uma medida da força relativa dos dois partidos politicamente.

LEIA TAMBÉM: Aprovação de Biden cai para 33%; só 2% acham que economia está excelente: QUINNIPIAC

Tanto a vantagem democrata de nove pontos no primeiro trimestre quanto a vantagem republicana de cinco pontos no quarto trimestre estão entre as maiores que o Gallup mediu para cada partido em qualquer trimestre desde que começou a medir regularmente a identificação e a inclinação partidária em 1991.

A vantagem democrata no primeiro trimestre foi a maior do partido desde o quarto trimestre de 2012, quando os democratas também tiveram uma vantagem de nove pontos. Os democratas registravam vantagens superiores a dois dígitos em trimestres isolados entre 1992 e 1999 e quase continuamente entre meados de 2006 e início de 2009.

O Partido Republicano teve uma vantagem de cinco pontos em um total de apenas quatro trimestres desde 1991. Os republicanos tiveram uma vantagem de cinco pontos pela última vez em identificação partidária e inclinação no início de 1995, depois de ganhar o controle da Câmara dos Deputados pela primeira vez desde a década de 1950. Os republicanos tiveram uma vantagem maior apenas no primeiro trimestre de 1991, após a vitória dos EUA na Guerra do Golfo Pérsico liderada pelo então presidente George H.W. Bush.

LEIA TAMBÉM: Bill de Blasio desiste de disputar governo de Nova York

Independentes: fiéis da balança

As mudanças na identificação partidária em cada um dos quatro trimestres de 2021 foram aparentes tanto na porcentagem de identificação imediata com cada partido quanto na porcentagem de independentes inclinados a cada partido, mas com mais mudanças entre os independentes do que entre os partidários.

Entre o primeiro e o quarto trimestres, diz a Gallup, a porcentagem de pessoas que se identificam democratas diminuiu dois pontos, enquanto a porcentagem de independentes de inclinação democrata caiu cinco pontos. A identificação republicana aumentou três pontos do início até o final de 2021, enquanto independentes com inclinação republicanas aumentaram quatro pontos.

- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS