Lavrov diz que Ucrânia não tem direito à soberania; Zelensky cogita romper laços diplomáticos com Moscou

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse nesta terça-feira (22) que a Ucrânia não tem direito à soberania.

Lavrov disse que o direito à soberania deve ser respeitado apenas em relação aos estados que representam todo o povo que vive em seu território, a Ucrânia não é um deles desde 2014, disse o ministro das Relações Exteriores Sergey Lavrov ao canal de TV Rossiya 24, de acordo com a Interfax.

“Acho que ninguém pode argumentar que o regime ucraniano, a partir do golpe de Estado de 2014, representa todo o povo que vive no território do Estado ucraniano”, acrescentou o ministro.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia, em comunicado na terça-feira (22), também pediu a outros países que “seguissem” o reconhecimento das repúblicas separatistas do leste da Ucrânia, um dia após o presidente Vladimir Putin reconhecer a independência, ordenando em seguida o envio de tropas russas para a região na condição de “forças de paz”.

Casa Branca sugere que Zelensky saia de Kiev; Diplomacia americana é transferida para Polônia

“A Rússia pede a outros estados que sigam seu exemplo”, disse o ministério. Acrescentou que o reconhecimento dos rebeldes por Moscou – condenados pelo Ocidente – “não foi fácil, mas o único passo possível”.

Relações diplomáticas. Falando ao lado de seu colega estoniano, Zelenskiy disse que estava avaliando um pedido de seu Ministério das Relações Exteriores para romper os laços diplomáticos com a Rússia.

Ele também pediu aos aliados da Ucrânia que não esperem por uma nova escalada para impor sanções, que devem incluir o fechamento do gasoduto Nord Stream 2, que levaria gás russo até a Alemanha, obra liberada pela Administração Biden após ter sido embargada pelo governo do ex-presidente Donald Trump.

A Rússia disse não ter interesse em cortar laços diplomáticos com a Ucrânia, apesar de Lavrov ter dito que a Ucrânia não tem direito à soberania.

LEIA TAMBÉM

Leia também