EUA enviam mais US$ 308 milhões em ‘ajuda humanitária’ para o Afeganistão

A administração do presidente Joe Biden anunciou na terça-feira (11) um novo montante de recursos financeiros para o Afeganistão, hoje comandado pelo grupo terrorista Taliban; total de ajuda já autorizada por Biden alcança US$ 782 milhões desde outubro de 2021.

Os recursos vão ser enviados por meio de organizações supostamente humanitárias independentes.

Os Estados Unidos também estão fornecendo um milhão de doses adicionais de vacina contra o coronavírus ao Afeganistão, elevando o total já doado para 4,3 milhões de doses, disse a Casa Branca, segundo a Reuters.

A ajuda será destinada para fornecimento de abrigos, cuidados de saúde, assistência para o inverno, ajuda alimentar de emergência, serviços de água, saneamento e higiene, disse o governo americano.

LEIA TAMBÉM: Kamala promete US$1.2 bi de investimentos privados em países da América Central

A pobreza aumentou no Afeganistão após o Taliban assumir o comando do país, no início da gestão Biden, ocasião em que as tropas americanas deixaram o país de forma caótica. Segundo as Nações Unidas, o país tem hoje 55% da população (23 milhões de pessoas) em situação de fome extrema.

- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS