Chamada entre Biden e Putin dura mais de uma hora; Rússia condena “histeria” americana

A ligação segura entre o presidente americano Joe Biden e o presidente russo Vladimir Putin durou mais de uma hora, terminando às 12h06 pm EST, segundo a Casa Branca.

Biden fez a ligação do retiro presidencial de Camp David, em Maryland.

LEIA TAMBÉM: EUA DIZ QUE INVASÃO DA UCRÂNIA PODE OCORRER A QUALQUER MOMENTO

Na conversa, segundo a Casa Branca, Biden disse que se a Rússia invadir a Ucrânia os EUA e seus aliados responderão de “forma decisiva”, impondo “rapidamente custos severos contra a Rússia”. Biden também afirmou que os EUA estão igualmente preparados para outros cenários além do diplomático.

“O presidente Joseph R. Biden Jr. conversou hoje com o presidente Vladimir Putin da Rússia sobre a escalada militar da Rússia nas fronteiras da Ucrânia. O presidente Biden deixou claro que, se a Rússia realizar uma nova invasão da Ucrânia, os Estados Unidos, juntamente com nossos aliados e parceiros, responderão de forma decisiva e imporão rapidamente custos severos à Rússia. O presidente Biden reiterou que uma nova invasão russa da Ucrânia produziria sofrimento humano generalizado e diminuiria a posição da Rússia. O presidente Biden foi claro com o presidente Putin que, embora os Estados Unidos continuem preparados para se envolver na diplomacia, em plena coordenação com nossos aliados e parceiros, estamos igualmente preparados para outros cenários”

Kremlin denunciou o “pico de histeria” por parte dos EUA após ligação, mas diz que os dois líderes concordam em “continuar” o diálogo, segundo a AFP

Eles conversaram logo depois que Putin encerrou uma longa conversa com o presidente francês Emmanuel Macron, na qual os dois discutiram “as condições de segurança e estabilidade na Europa”, disse o Palácio do Eliseu no sábado.

LEIA TAMBÉM

Leia também